Entenda o PIX e seus benefícios

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no email
Email
A VPN is an essential component of IT security, whether you’re just starting a business or are already up and running. Most business interactions and transactions happen online and VPN
PIX
Tempo de leitura: 2 minutos

Anunciado em 19 de fevereiro pelo Banco Central, o chamado PIX ficou em evidência novamente nos últimos dias com a antecipação do registro das chaves de endereçamento para 5 de outubro.

Mas você já sabe o que é o PIX? Entende como ele pode ser positivo para nossas vidas e também para nossos negócios?

Hoje, transferências entre contas bancárias de diferentes instituições são feitas através de TEDs e DOCs e essas operações eletrônicas podem levar dias – e muitas delas acabam custando caro (alguns bancos tradicionais chegam a cobrar mais de R$20 por TED).

Em poucas palavras, o Pix é uma nova ferramenta para fazer transferências e pagamentos de forma rápida, sem limitação de horário, ou seja, 24 horas por dia, 7 dias por semana, e com liquidação quase instantânea (até 10 segundos). Chega de ter que esperar o pagamento “cair” na conta!

Para agências de viagens

Para as agências de viagens aumenta a segurança, já que muitas vezes trabalham com viagens em outras moedas e ter que esperar dias para receber o dinheiro entrar na conta pode gerar prejuízo ou desgaste com o cliente por variação cambial.

Isso sem falar nas emissões de bilhete de última hora ou ainda do cliente que fecha a viagem na sexta-feira depois do expediente bancário, enviaria o TED somente na segunda-feira, mas que muda de ideia no final de semana.

Compra muitas vezes é motivada por impulso e facilitar o pagamento/recebimento trará maior possibilidades de fechamentos.

Além da redução de custos, essa tecnologia poderá abrir oportunidades para novos produtos e serviços de bancos e fintechs. Empresas de tecnologia para o turismo também deverão ficar atentas as facilidades que o PIX possibilitará, como automações em emissões e conciliação dos pagamentos, por exemplo.

Quem desejar receber um PIX de forma simples e prática deverá, a partir de outubro, acessar o aplicativo da instituição em que possui conta e fazer o registro da chave, vinculando o número de telefone celular, e-mail ou CPF/CNPJ àquela conta específica.

Essas informações serão armazenadas em uma plataforma tecnológica desenvolvida e operada pelo BC, chamada Diretório Identificador de Contas Transacionais (DICT), um dos componentes do PIX.

Cronograma de marcos do PIX:

  • Agosto: divulgação do Regulamento PIX e manuais técnicos;
  • 05/outubro: início do processo de registro de chaves de endereçamento;
  • 03/novembro: início da operação restrita do PIX;
  • 16/novembro: lançamento do PIX para toda a população.

O que você acha sobre essa excelente novidade e quais possibilidades você enxerga para nosso setor?

Daniel Turbox

Daniel Turbox

MBA em Tecnologia para Negócios com ênfase em Data Science, Big Data e Inteligência Artificial pela PUCRS, bacharel em Turismo e especialização em Organização e Gestão de Eventos pela Universidade Anhembi-Morumbi. Estou no mercado há 19 anos com experiência em diversos segmentos do turismo. Meu maior prazer é ensinar através de cursos e palestras!

Deixe um comentário

Receba Nossa Newsletter

Rolar para cima