#MSMEDay19 – As micro, pequenas e médias empresas e o Turismo

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no email
Email
A VPN is an essential component of IT security, whether you’re just starting a business or are already up and running. Most business interactions and transactions happen online and VPN
Tempo de leitura: 2 minutos

Por definição, elas podem ser micro, pequenas e médias empresas. No entanto, o impacto que elas têm em escala global é gigante.

Desde 2017, as micro, pequenas e médias empresas comemoram seu dia em reconhecimento ao seu trabalho nas economias locais e globais. Essas empresas, que geralmente empregam menos de 250 pessoas, são a espinha dorsal da maioria das economias do mundo e desempenham um papel fundamental nos países em desenvolvimento.

De acordo com os dados fornecidos pelo Conselho Internacional para Pequenas Empresas (ICSB), as Micro, Pequenas e Médias Empresas (MPMEs) formais e informais representam mais de 90% de todas as empresas e respondem, em média, por 60% a 70% do total de empregos e 50% do PIB.

A Assembléia Geral da ONU, reconhecendo a importância dessas empresas, decidiu declarar em 27 de junho o Dia das Micro, Pequenas e Médias Empresas para conscientizar o público sobre sua contribuição para o desenvolvimento sustentável.

O Dia das MPMEs é uma celebração da contribuição do setor para a economia global. Este ano, é também um apelo à ação para um maior investimento no setor.

As pequenas empresas, o Turismo e o Turbox

Dados de 2015 do Ministério do Turismo mostram que, dos 41,3 mil prestadores de serviços registrados no Cadastro Nacional dos Prestadores de Serviços Turísticos, o Cadastur, 95% são classificados como micro e pequenas ou microempreendedores individuais.

Desde a nossa criação, o Turbox sempre foi focado no desenvolvimento sustentável de pequenas e microempresas do Turismo.

Acreditamos que, com as ferramentas certas, as pequenas empresas podem facilmente superar os desafios nessa era hiper-conectada de fazer negócios.

As MPMEs com uma reforma digital podem:

  • Construir uma forte presença online – criar sites, automatizar vendas e marketing, criar uma loja on-line e etc.
  • Expandir seu alcance – Capturar novos mercados e expandir os mercados existentes
  • Gerenciar as finanças dos negócios
  • Ampliar seu acesso a dados, conhecimento, planejamento e análise de resultados
  • Aumentar a produtividade e rentabilidade
  • Você que trabalha ou é dono de uma MPME no Turismo, deixe nos comentários qual a maior dificuldade enfrentada em seu negócio ou entre em contato clicando aqui. Conte conosco!
Daniel Turbox

Daniel Turbox

MBA em Tecnologia para Negócios com ênfase em Data Science, Big Data e Inteligência Artificial pela PUCRS, bacharel em Turismo e especialização em Organização e Gestão de Eventos pela Universidade Anhembi-Morumbi. Estou no mercado há 19 anos com experiência em diversos segmentos do turismo. Meu maior prazer é ensinar através de cursos e palestras!

Deixe um comentário

Rolar para cima